#TOP5: Cinco dicas para não deixar que a bateria do smartphone acabe tão rápido

Com a correria do dia-dia, resolvemos milhares de coisas pelo smartphone. Mas, por conta desta multiplicidade de funções, a bateria não aguenta. Alguns aparelhos ficam tão sensíveis que necessitam recarregar várias vezes por dia. Mas, o que fazer para não deixar que a bateria do seu celular acabe tão rápido? O blog Café com Notícias selecionou algumas dicas. Acompanhe:

Wander Veroni
Criado por Wander Veroni
em Jun 22, 2015
1

Internet

Estar conectado à internet não gasta apenas o pacote de dados, mas demanda também um esforço maior da bateria. A culpa é dos aplicativos que mantêm a atividade em background, como o Facebook, o e-mail e o WhatsApp. Esses apps continuam funcionando mesmo quando o seu smartphone está na bolsa ou enquanto você dorme e é isso que faz com que você receba as notificações. Esse recurso exige que a bateria continue trabalhando, enquanto deveria descansar. Uma forma de ajudar a poupar bateria é desligar as conexões Wi-Fi, 3G/4G, GPS, Localização e Bluetooth enquanto não estiver utilizando. Quando estiver completamente sem sinal, aproveite e desligue o aparelho, ou ative o modo avião.

2

Uso Multimídia

Um dos principais problemas para que a bateria não dure como deveria é o uso multimídia dos celulares. Experimente usar a internet, atualizar as redes sociais, tirar um selfie com os amigos, acessar joguinhos ou ouvir música ao mesmo tempo. O consumo do aparelho acelera e a bateria vai embora. Por incrível que pareça, o usuário hard é o principal responsável pelo consumo desenfreado de energia do aparelho. Que tal usar só o necessário?

3

Tela e brilho

A tela é a maior vilã das baterias e quanto maior ela é, mais ela gasta. Controlar o brilho da tela e deixar o aparelho bloqueado é uma saída para ajudar a não gastar tanta carga. Alguns celulares possuem uma tecnologia que adéqua o brilho da tela de acordo com a luminosidade do ambiente. Outra saída é utilizar temas mais escuros, papeis de paredes estáticos e desabilitar as notificações dos aplicativos.

4

Bateria Viciada

Não adianta seguir todas as dicas de economia de energia, se a bateria do seu smartphone está viciada. Como consigo saber se a minha bateria está assim? Basta observar se você tem que carregar o celular mais de duas vezes por dia em intervalos curtos de tempo. Se a sua resposta for positiva, considere ir à uma assistência técnica e comprar outra bateria.

5

Carregador Portátil

Se você é daqueles que não quer ficar desconectado de jeito nenhum ou vai viajar para algum lugar em que o acesso a uma tomada seja escasso, avalie a necessidade comprar um carregador portátil para smartphone. Os celulares Android e iOS possuem carregadores específicos, por exemplo. Mas há também modelos universais. Dependendo da marca, você consegue, no mínimo, três horas de sobrevida ou até mesmo o (re)carregamento completo da bateria do seu telefone. O preço de um aparelho desses pode varia de R$ 30 a R$ 1.500.