“E o Michel 2, presidente, quer a reforma e [quer] que os outros contribuam até os 75 anos”